Redes Pet são sucesso no mundo virtual

Os bichos também estão dominando as redes sociais. Donos criam perfis dos animais na internet para compartilhamento de informações

Atualmente a internet apresenta redes específicas para bichos que vão além do Facebook, do Instagram e do Twitter.

Em sua maioria, o intuito dos sites – além das finalidades recreativas, é o de encontrar animais, divulgar campanhas, feiras de adoção, fazer denúncias ou encontrar a “cara metade” do animal.

A Social Pet Book, por exemplo, permite que os donos divulguem fotos dos animais, façam comentários e troquem informações. Para o cadastro, o dono precisa informar o nome, a idade e a raça do animal.  O curioso é que não são só cães e gatos que estão conectados: coelhos, tartarugas, hamsters e até mesmo peixes possuem perfis na internet.

A principal atividade dos animais na internet continua sendo a busca do par perfeito para cruzar.  O dono que pretende cadastrar seu animal nesse processo precisa ficar atento a dois aspectos importantes: o tamanho do animal deve corresponder ao do companheiro e a idade do bichinho também é relevante.

Machos jovens, com menos de 1 ano de idade, tendem a não apresentar a quantidade de espermatozoides suficiente para engravidar a parceira. No caso da fêmea, quando muito novas (com menos de 1 ano), podem não ter a habilidade materna, apresentar um comportamento infantil e não apresentar assistência aos filhotes.

Conheça algumas redes sociais para conectar seu bicho ao mundo virtual:

» Plug Pet
» Animal Club
» Social Pet Book
» Universe Pet
» Petbook
» Oi Pet
» Pet2Mate


Nenhum banner cadastrado ainda

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien