Planos de saúde serão obrigados a oferecer mais procedimentos.

 21 novos procedimentos disponíveis a usuários em 2016.

Operadoras irão oferecer teste rápido para dengue e medicamento oral para

tratamento de câncer de próstata.

 Planos de saúde individuais e coletivos incluíram 21 procedimentos aos beneficiários a partir de janeiro de 2016. Entre eles estão teste rápido para dengue e teste para febre chikungunya, transmitida pelo mosquito Aedes aegypti que teve 200% mais casos de de 2014 para 2015.

Hoje, o teste oferecido para detectar dengue leva sete dias. O teste rápido terá resultado em até 24 horas. Nos primeiros oito meses do ano, a dengue já matou 693 pessoas. Desde 1990 não haviam tantos óbitos provocados pela doença. Para detectar o vírus da dengue hemorrágica em cinco dias, as operadoras terão que cobrir o antígeno NS1 do vírus da dengue.

A inclusão de procedimentos nos planos prevê diagnóstico por perda da consciência em causas indeterminadas com implante de Monitor de Eventos (Looper); prevenção de morte súbita com implante de cardiodesfibrilador multissítio; tratamento das deficiências auditivas com implante de prótese auditiva ancorada no osso; e tratamento do câncer de próstata com a inclusão do Enzalutamida. Considerada obsoleta, a cirurgia para corrigir o excesso de pele nas pálpebras não será mais feita.

A artrite psoriásica terá o tratamento imunobiológico subcutâneo ampliado e uso de medicamentos para tratamento da dor como efeito adverso ao uso de antineoplásicos será maior. Haverá um acréscimo no número de consultas com fonoaudiólogo, nutricionistas, fisioterapeutas e psicoterapeutas. Grávidas e mulheres em amamentação terão direito a fazer 12 consultas em nutrição contra as atuais seis.

Como resultado dessas inclusões, a ANS não descarta aumento na mensalidade dos planos em maio de 2017. A medida vai beneficiar 50,3 milhões de consumidores em planos de assistência médica e outros 21,9 milhões de beneficiários com planos odontológicos.

A consulta pública recebeu 6.338 contribuições online. Destas, 66% foram de consumidores, 12% de representantes de operadoras de planos de saúde e 11% de prestadores de serviços de saúde.


Nenhum banner cadastrado ainda

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien